Dose extra de O Pequeno Príncipe

A leitura é uma atividade cíclica. Há livros que sentimos necessidade de ler em vários momentos da vida. Em cada fase, um novo aprendizado, uma nova compreensão. Vocês podem pensar que é um clichê dizer isso, mas “O Pequeno Príncipe” é uma destas publicações que merecem nossa atenção algumas vezes na vida. E foi ele que eu voltei a ler, em uma noite qualquer em que o sono insistia em não chegar.

É incrível este poder que a literatura tem, de recriar nossos pensamentos, de nos cativar várias vezes seguidas. Lembro que na minha primeira leitura dele, ainda uma menina, me entreti com a historinha do príncipe que decide deixar o seu planeta para iniciar uma viagem pelo mundo. Hoje, com alguns anos a mais nas costas, um pouco mais madura e talvez mais experiente, ele faz um outro sentido.

Não vem ao caso aqui interpretá-lo, acredito que o prazer deste tipo de leitura está em justamente cada um sentir suas próprias sensações, assimilar as palavras da sua maneira peculiar de fazê-lo. Tabém não estou no propósito de escrever uma resenha, apenas dividindo sensações.

Já perdi as contas das vezes que li “O Pequeno Príncipe”. Em algumas fases de minha vida, ele volta a me saltar aos olhos. Sei que é pra me fazer lembrar da importância dos sentimentos, para que eu nunca esqueça de que nós, adultos, nem sempre precisamos de tantas explicações, para eu me lembrar de pensar também com o coração, lembrar que a felicidade está dentro de cada um de nós.

“O essencial é invisível aos olhos”. Gosto desta frase em particular. Também gosto de lembrar que o verdadeiro sábio é aquele que consegue fazer um bom julgamento de si mesmo. São muitas as passagens do livro que me tocam profundamente.Ali, toda curta menção faz um sentido imenso: o espinho das flores, os baobás, o cogumelo e até os desenhos de jiboias abertas ou fechadas. Toda vez que eu o leio, fico pensando no quanto queria me bater com aquele principezinho por aí. Teria tanto a aprender com ele…

Ficha técnica:
O Pequeno Príncipe
Autor: Antoine De Saint-Exupéry
Editora: Agir
Páginas: 95
Preço: entre R$ 17 e R$ 30

 

 

Anúncios

Sobre Alane Virgínia

Apaixonada por livros, letras, sons, imagens e pessoas. Advogada por vocação e jornalista nas horas vagas.
Esse post foi publicado em Literatura e marcado , , , . Guardar link permanente.

DEIXE UM COMENTÁRIO!!!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s