Test Drive: Protetores solares da Natura

*Texto e testes de Andreia Santana

O verão de Salvador é famoso país afora pelo calor intenso, os dias ensolarados e as festas da “estação do Axé Music”. Mas para mim, que tenho a pele sensível ao sol, é um tormento. A cidade tem altíssima incidência de raios solares e usar proteção contra os raios UVA e UVB por aqui é recomendado até no inverno. Vivo testando várias marcas de protetores, principalmente para o rosto, porque tenho pele oleosa e com tendência a acne. Já usei desde os vidrinhos que vendem em farmácia e deixam a gente com “cheiro de praia” até os indicados pela dermatologista. Mas esses, geralmente, me levam à falência de tão caros!

Meus últimos testes com proteção solar foram adquiridos na revista da Natura, via uma amiga que é consultora da marca. Comprei o Hydra, da linha Chronos, um hidratante para o rosto que tem fator 15 de proteção e, pela propaganda no folheto, é a base de água e por isso se adequa a todo tipo de pele; e uma loção facial protetora “não oleosa” – é o que diz a embalagem -, da linha Fotoequilíbrio, fator 60. Gastei exatamente R$ 64,00 nos dois produtos: R$ 32,00 na loção Fotoequilíbrio e R$ 32,00 no Hydra. Agora, conto para vocês se o investimento valeu a pena…

Hydra Chronos Hidratante Protetor Diário para o Rosto, fator 15:

A embalagem de 30 ml é super prática de carregar na necessaire e quem trabalha em ambiente com ar condicionado e lâmpada fluorescente, é bom saber que ao longo do dia será necessário reaplicar o protetor e hidratar a pele. Nesse caso, o produto junta as duas coisas num vidrinho só. O fator de proteção, 15, é baixo para os padrões de Salvador, mas o nível de hidratação bastante satisfatório. A cobertura do produto é muito boa, um pouquinho faz uma camada de um filminho invisível sobre a pele. É fresquinho também e não faz meleca (quem tem pele oleosa não gosta e nem deve usar produtos melequentos, embora seja essencial usar hidratante). A absorção é quase instantânea, daí que não atrasa a maquiagem (vivo correndo para lá e para cá, meu tempo é literalmente cronometrado). No entanto, apesar dos benefícios de hidratação, de fato a pele fica macia por no mínimo oito horas, notei que agrava minha acne. Poucos produtos não surtem esse efeito em mim (vocês podem conferir outros testes que já fiz na nossa página do Test Drive). Decidi então abolir o uso no rosto e adotei no pescoço, colo e ombros. Aí sim, o resultado beira os 100% de satisfação. Hidrata, deixa uma textura aveludada gostosa ao toque e o mais importante, protege do sol e do ressecamento provocado pela exposição prolongada.

Loção Facial Protetora Fotoequilíbrio, fator 60:

Confesso que me enchi de expectativa quando vi no folheto da Natura uma loção facial “não oleosa” fator 60 de proteção. É o que toda mulher que mora numa cidade quente como o inferno pediu a Deus. Mas, me decepcionei com o uso dessa loção no rosto bem mais do que com o uso do Hydra. Apesar de vir grifado na embalagem “não oleoso”, o produto é sim, muito oleoso e a absorção na pele não é tão instantânea quanto o prometido. Me senti como se tivesse usado um dos protetores solares comuns, que chegam a deixar a pele brilhando de tanta gordura. Não recomendo para quem tem pele oleosa, mas quem não sofre desse problema, ou até tem a pele seca, com certeza terá um protetor solar potente nas mãos. A vantagem é que o fator de proteção realmente bloqueia os raios solares, não deixa passar nada e para um dia de praia, com certeza será mais que útil. A embalagem, também pequena, 50 ml, e fácil de transportar, serve para levar em dias de atividade física ao ar livre, pois cabe em qualquer bolsinho do acasalho de corrida, por exemplo.  Também testei nos ombros e no colo, onde não tenho acne (que se limita só ao rosto) e onde a pele não é oleosa. O resultado nessa região foi muito melhor, mas ainda prefiro o Hydra, que tem uma secagem/absorção mais rápida.

*Andreia Santana, 37 anos, jornalista, natural de Salvador e aspirante a escritora. Fundou o blog Conversa de Menina em dezembro de 2008, junto com Alane Virgínia, e deixou o projeto em 20/09/2011, para dedicar-se aos projetos pessoais em literatura.

Anúncios
Esse post foi publicado em Corpo, Cosméticos, Moda, Pele, Test Drive e marcado , , , , , , , , , . Guardar link permanente.