Soro fisiológico não é xampu para lavar lentes

lentes de contatoFui míope dos 10 aos 22 anos, quando fiz a cirurgia refrativa e dei sorte: dos quase nove graus de miopia que me faziam  usar óculos horrorosos na infância e parte da adolescência, consegui reduzir para 0.25, ou seja, nada de óculos e nem das lentes de contato que mantive por uns três ou quatro anos, no começo da vida adulta. Nem todo mundo consegue se livrar dos óculos após a refrativa, tenho amigas que ficaram com grau residual. O motivo disso, não me perguntem, pois não sou oftalmologista. Imagino que tenha relação com o desenvolvimento da doença em cada pessoa, só um especialista para explicar. Ir trabalhar de óculos era péssimo para a autoestima de uma jovem.  E a maquiagem, como é que usava com os óculos escondendo tudo? A solução paliativa eram as lentes.

No meu tempo, as lentes de contato não eram tão avançadas quanto hoje em dia e tampouco eram tão pirateadas quanto recentemente. Só quem não tem amor à própria saúde e acredita que a visão é um sentido dispensável, não cuida dos próprios olhos e se arrisca com lentes clandestinas, compradas no camelô da esquina. Sem assepsia (limpeza) correta, a lente é uma pequena colônia de bactérias dentro do seu olho. Resultado: infecções, inflamações na córnea e o risco real de ficar cego ou com lesões muito piores que a miopia.

Uma coisa que eu não sabia, porém, é que o hábito corriqueiro de lavar as lentes de contato com soro fisiológico é incorreto. Pelo menos se você usar apenas o soro. Tudo bem que, durante os anos em que usei lentes, sempre só numa parte do dia, revezando com os óculos, nunca deixei de lavá-las com aqueles produtos específicos e antibactericidas que vendem nas farmácias. É, eu sei. Boa parte deles é bem cara. A indústria farmacêutica deita e rola. Mas, acredito que se o objetivo é garantir a integridade da nossa visão, vale pesquisar dentre todas as marcas e laboratórios do mercado e escolher aquela que ofereça produtos de qualidade e por preço justo (entendo por preço justo aquele que posso pagar sem desequilibrar totalmente o orçamento doméstico).

soroMas, voltando ao soro, segundo o oftalmologista Eduardo Rocha, especialista em doenças externas do Hospital Oftalmológico de Brasília (HOB), o uso contínuo de soro fisiológico para lavar as lentes pode colocar a saúde da córnea em risco. Os usuários de lentes de contato devem restringir-se a somente enxaguar as lentes com soro e não lavar o objeto apenas com este produto. Eduardo Rocha explica que o soro não serve para higienizar as lentes porque ele não tem ação bactericida, não remove as proteínas, as gorduras e todas as impurezas presentes na lente. Sem contar que o soro é ineficaz contra fungos e amebas.

O especialista do HOB acrescenta que o soro serve para enxaguar as lentes após elas serem lavadas com o produto adequado, especifico para o tipo de lente que você usa, porque isso também varia. Enxaguar com soro evita que os olhos fiquem vermelhos e irritados devido a ação do produto. É como o sabão, que desinfeta, e a água, que enxágua.

Outra dica importante, a embalagem do soro fisiológico, depois de aberta, torna-se um meio de proliferação de microorganismos que podem contaminar a lente. O ideal, ainda de acordo com Eduardo Rocha, é que o paciente compre o soro em recipientes de 250 ml, um dos menores existentes no mercado, produzido para poucas utilizações. O soro sempre deve ser conservado na geladeira, orienta o oftalmologista.

lentes_de_contato

Cuidados com as lentes de contato:

- Lave as mãos com sabão antes de manusear as lentes;

- Higienize as lentes seguindo método orientado pelo médico;

- Use a lente pelo tempo indicado pelo oftalmologista; se ele diz que só pode passar 8 horas por dia com as lentes, fique só 8h. Use as lentes, por exemplo, para ir trabalhar, e dentro de casa, nos momentos de descanso, coloque seus óculos. Não durma com as lentes.

- Faça exames oftalmológicos periodicamente (6 em 6 meses);

-Qualquer sintoma fora do padrão, interrompa o uso das lentes e busque orientação de um especialista;

- Troque os estojos das lentes a cada compra de produto de limpeza;

- Mantenha unhas curtas e higienizadas; além do risco de rasgar as lentes ou machucar o olho na hora de colocá-las, embaixo da unha também se criam colônias de fungos que podem contaminar o objeto e por tabela, o seu olho;

- Nunca lave as lentes na água (corrente ou mineral);

- Não empreste ou pegue emprestadas lentes de contato de outros; cada pessoa tem o seu grau de miopia, a sua curvatura da córnea, as lentes são feitas para atender cada um individualmente;

- Evite piscinas e praias enquanto estiver usando as lentes;

- Use os produtos de higienização específicos para cada tipo de lente.

===============

*As fontes de informação para este post foram o conteúdo elaborado e enviado ao blog pela assessoria de comunicação do Hospital Oftalmológico de Brasilia (HOB) e a minha experiência pessoal como usuária de lentes de contato numa parte da vida. Caso você tenha outras dúvidas sobre uso de lentes ou sobre miopia e cirurgia refrativa, recomendo que busque aconselhamento com o seu oftalmologista.

======================

Leia também outras contribuições do HOB ao blog:

>>Você sabe ler a receita dos seus óculos?

About these ads
Esse post foi publicado em Saúde, Serviços e marcado , , , , , , , , . Guardar link permanente.

DEIXE UM COMENTÁRIO!!!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s